Os fotossistemas

21/04/2010 10:28

 Os fotossistemas


No cloroplasto, a clorofila e as outras moléculas de pigmentos estão embebidas nos tilacóides em unidades discretas de organização chamadas fotossistemas. Cada fotossistema contém um conjunto de cerca de 250 a 400 moléculas de pigmentos e consiste em dois componentes intimamente ligados: um centro de reação formado por um complexo proteína-pigmento e um complexo protéico antena. Dentro dos fotossistemas, as moléculas de clorofila estão ligadas a proteínas específicas e situadas em locais que permitem uma captação eficiente da energia luminosa.

Todos os pigmentos dentro dos fotossistemas são capazes de absorver fótons, mas apenas um par de moléculas de clorofila em cada fotossistema realmente utiliza esta energia nas reações fotoquímicas. Este par especial de moléculas de clorofila está situado no âmago do centro de reação do fotossistema. As outras moléculas de pigmento, denominadas pigmentos antena, por atuarem como uma rede de antenas para a captação de luz, estão localizadas num complexo de proteínas antena. Além das clorofilas, uma quantidade variável de carotenóides também localiza-se em cada complexo antena.

A energia absorvida por qualquer molécula da rede é transferida de uma molécula para a seguinte até alcançar o centro de reação, com seus pares especiais de moléculas de clorofila. Quando ambas as moléculas de clorofila absorvem a energia, um de seus elétrons é disparado para um nível mais elevado de energia e transferido para uma molécula aceptora que inicia o fluxo de elétrons. A molécula de clorofila torna-se portanto oxidada e positivamente carregada.

De acordo com evidências atuais, existem dois tipo de fotossistemas. No Fotossistema 1, as moléculas de clorofila dos centros de reação são uma forma de clorofila a conhecida como P700. A letra P deriva da palavra pigmento e o subscrito 700 designa o pico ótimo de absorção em nanômetros, o que diz respeito ao comprimento de onda da luz. O centro de reação do fotossistema 2 também contém uma forma especial de clorofila a. Seu pico máximo de absorção encontra-se em 680 nanômetros, sendo portanto denominado P700. Grande parte do nosso conhecimento sobre a estrutura do Fotossistema 2 em planta provém de estudos de complexos similares em bactérias fotossintetizantes. Especialmente notáveis são os estudos de Johann Deisenhofer, Robert Huber e Hartmut Michel, que determinaram com precisão a estrutura química do centro de reação da bactérias púrpura Rhodopsudomonas viridis através da criptografia em raio X, fornecendo-nos uma primeira visão de como as moléculas de pigmentos se organizam para capturar a energia luminosa. Deisenhofer, Huber e Michel foram agraciados com o prêmio Nobel de química de 1988 pelo seu trabalho.

Em geral, os Fotossistemas 1 e 2 trabalham de forma simultânea e contínua. Conforme veremos, entretanto, o Fotossistema 1 pode funcionar independentemente. 

Fonte: Cláudio Cardoso - Fisiologia Vegetal

 

Comente: Os fotossistemas

How To Prevent Prostate Problems And Diseases?

AlbertTof | 09/08/2018

The men's prostate is central to the section of a male's reproductive system. It secretes fluids that aid in the transportation and activation of sperm. The men's prostate is situated just before the rectum, below the bladder and around the urethra. When there is prostate problem, it will always be really miserable and inconvenient to the patient as his urinary product is directly affected.

The common prostate medical problems are prostate infection, enlarged prostate and prostate type of cancer.



Prostate infection, often known as prostatitis, is among the most common prostate-related overuse injury in men younger than 55 years. Infections in the prostate are classified into four types - acute bacterial prostatitis, chronic bacterial prostatitis, chronic abacterial prostatitis and prosttodynia.

Acute bacterial prostatitis is the least common of all types of prostate infection. It is a result of bacteria perfectly located at the large intestines or urinary tract. Patients may feel fever, chills, body aches, back pains and urination problems. This condition is treated by utilizing antibiotics or non-steroid anti-inflammatory drugs (NSAIDs) to relieve the swelling.

Chronic bacterial prostatitis is often a condition of the particular defect in the gland along with the persistence presence of bacteria inside urinary tract. It can be brought on by trauma on the urinary tract or by infections from other parts with the body. A patient may feel testicular pain, lower back pains and urination problems. Although it is uncommon, it may be treated by removal of the prostate defect accompanied by the use antibiotics and NSAIDs to deal with the redness.

Non-bacterial prostatitis makes up about approximately 90% of all prostatitis cases; however, researchers have not to ascertain the causes of these conditions. Some researchers believe chronic non-bacterial prostatitis occur as a consequence of unknown infectious agents while other think that intensive exercise and high lifting could cause these infections.

Maintaining a Healthy Prostate

To prevent prostate diseases, a proper diet is important. These are some in the actions you can take to keep your prostate healthy.

1. Drink sufficient water. Proper hydration is necessary for health and wellness and it'll also maintain your urinary track clean.

2. Some studies declare that a couple of ejaculations a week will assist you to prevent cancer of the prostate.

3. Eat steak sparingly. It has been shown that consuming greater than four meals of beef per week will raise the probability of prostate diseases and cancer.

4. Maintain a suitable diet with cereals, vegetable and fruits to make certain sufficient intake of nutrients essential for prostate health.

The most critical measure to consider to be sure a proper prostate is always to choose regular prostate health screening. If you are forty years old and above, you need to choose prostate examination at least annually.

Fotossistema II

Regina | 21/07/2017

Onde é formado o fotossistema II?

Re:Fotossistema II

Benicia | 05/06/2018

O fotossíntese do tipo 2 é encontrar -se nós cloroplastos e em bactérias púrpuras não sulfurosas

fotossistema

rita | 14/07/2015

seraq nao podia especificar um pouco mais ou resumir?

Fotossistema

Simione A.chicanda | 23/08/2013

Existem dois tipos de fotossistemas que são:fotossistema ¡ e ¡¡.Fotossitema ¡ É absorvida clorofila a a 700nanomeros de compremento de onda.E fotossistema ¡¡ absorve-se os restantes clorofilas a 680nanometro de compremento.

Gostei

Leitor | 13/11/2012

Gostei do post pois ele se encontra de uma forma resumida e de fácil entendimento podendo ser utilizado principalmente por quem fará o PAS

Olá

Leitor | 13/11/2012

gostaria de informar ao primeiro comentarista ao qual se nomeia como play3 que mais especificados existem 2 distintos fotossistemas sendo o 1° capaz de absorver 700 nanômetros e o segundo apenas 680 nanômetros podendo se arrendondar pra menos 50 pois para o acrêscimo de 1 nanômetro a mais do que é suportado ele é capaz de exorbescer sua capacidade lhe causando uma destruição quase que instantânea

Gafe detectada

Patrícia Jorge | 18/06/2012

"Seu pico máximo de absorção encontra-se em 680 nanômetros, sendo portanto denominado P700."

Onde se lê "P700", deveria-se ler "P680".

gostei

horacio paulino | 24/08/2011

boa informacao, mas veja se muda alguma coisa em fotossistema II, no pigmento....

ciencias

fotassi | 14/04/2011

fotossistema

1 | 2 >>

Novo comentário